Em Cartaz: CORONAVÍRUS

Atualizado: Mar 19

Por Marcelo Leite

#FulanoDiTalEmAção #Ano17FdT #OFulanoMudou #ProduçõesCulturais #ArtesCênicas #Teatro #Blog #Coronavírus #Saúde

Coronavírus - Fonte MGN | Reprodução Internet
É preciso estar atento e forte. Não temos tempo de temer a morte.

Estamos vivendo num período de muita cautela e preocupação, com a gente e com o outro. A temida pandemia do coronavírus chegou e chegou forte.

Tudo é perigoso e nem tudo é divino maravilhoso.

Para nós, produtores culturais e fazedores de arte, que tudo que fazemos, fazemos para o público, a pergunta que fica é: como juntar pessoas, em espaços que na sua maioria são fechados, para a apresentação de um espetáculo?

Guri-Árvore - Temporada Fevereiro | Arquivo Pessoal

Precisamos ser responsáveis com a nossa saúde e a saúde do outro. Por isso tomamos a decisão de suspender toda as nossas atividades que tenham a presença do público, seguindo todas as orientações dos órgãos de saúde.

Atenção para as janelas no alto. Atenção ao pisar o asfalto.

Oficinas:

Temos duas turmas abertas que iniciaram as aulas no mês de março. Optamos por adiar as aulas da turma Iniciante e realizar atividades dirigidas com a turma Avançado, pelos próximos 15 dias.

Comunicado | Foto: Vaca Azul / Arte: Vini Ferreira

Espetáculos:

Todas as temporadas e/ou apresentações previstas durante o mês de março foram adiadas, por prazo indeterminado, com novas datas a serem marcadas.

Temporada Adiada | Foto: Vaca Azul / Arte: Vini Ferreira

Além de seguir todas as orientações da OMS (Organização Mundial de Saúde) seguimos também as orientações dos governos Federal, Estadual e Municipal. Assim que essa situação for contornada, retornamos as nossas atividades normalmente, divulgando tudo em nossas redes sociais.

Atenção, precisa ter olhos firmes. Pra este sol, para esta escuridão.

Precauções

Ah e não esqueça: lave as mãos com frequência, cubra o rosto ao tossir ou espirrar, evite contato com pessoas contaminadas e também evite locais com aglomeração.

Fonte: Ministério da Saúde / Arte: Marcelo Leite
É preciso estar atento e forte. Não temos tempo de temer a morte.

Divino Maravilhoso | Gal Costa – Reprodução Youtube




0 visualização